nome blog

Blog Café Fácil - O melhor conteúdo sobre Soluções em Café
22 dez

Composição química do café

Publicado por Redação Blog Café Fácil Comentários

Composição química do café
 

O Café possui a seguinte constituição química: alcalóides, incluindo os alcalóides purínicos ou xantinas (cafeína, teobromina, teofilina, paraxantina), ácidos orgânicos (ácido clorogênico 5 a 10%, e os ácidos cafeico, metilúrico, vanílico, hidroxibenzoico e ferrúlico), flavonóides (caempferol, quercetol 40%), diterpenos (cafestol, caveol), salicilatos (salicilato de metila), EDTA, ácido benzoico, derivados nicotínicos (trigonelina), óleos essenciais (ácido cinâmico, aldeído cinâmico), vitaminas (nicotinamida, ácido ascórbico, tiamina, riboflavina e caroteno) e minerais (cálcio, fósforo e ferro).
A Grindelia possui a seguinte constituição química: Diterpenos labdânicos ou grindelanos (ácidos grindélico e oxigrindélico 10%), óleos essenciais (borneol), saponinas, taninos, glicosídeos (grindelina), alcalóides, flavonóides, compostos acetilênicos (matricariol e acetato de matricariol) e fitosteróis.

Informações tradicionais
O Café é uma planta com os seguintes usos etnofarmacológicos identificados: Estimulante, diurético, depurativo do sangue, tônico geral, antiasmático, antigripal, antidiarreico, antireumático, combate as vertigens, as cefaléia associadas a resfriados, vulnerário, antiespasmódico e sudorífico.
Grindelia é uma planta com os seguintes usos etnofarmacológicos identificados: Antiasmática, expectorante, tônica do coração, diurética, antitussígena, diurética, antiespasmódica, carminativa, e antiinfecciosa.

Modo de Ação:
Os componentes de Chá Porangaba possuem as seguintes ações farmacológicas:

  • O cafeeiro (Coffea arabica) é muito rico em xantinas com atividade farmacológica bem conhecida. Seu mecanismo de ação principal é através da inibição da adenil ciclase, aumentando a concentração de AMP cíclico intracelular. Isto causa modificação da atividade de diversas células. As principais propriedades farmacológicas das xantinas são relaxamento de musculatura lisa, principalmente brônquica, aumento da força de contração do músculo cardíaco com aumento do consumo de O2, aumento do cronotropismo, aumento do fluxo sanguíneo renal, aumento da taxa de filtração glomerular, efeito natriurético por ação tubular, aumento da diurese e estímulo do centro respiratório e das funções do SNC.

  • As xantinas e a cafeína em doses usuais causam aumento de 10% na taxa metabólica basal e seu mecanismo de ação depende de uma interação complexa entre seus componentes e os diferentes receptores. O ácido benzóico, os salicilatos e o ácido ferrúlico, todos possuem atividade antiinflamatória e analgésica. O ácido benzóico também fluidifica as secreções respiratórias onde atua como antisséptico. A trigonelina tem ação sobre o hepatócito, aumentando seu metabolismo, a produção de bile e reduzindo a mortalidade celular em modelos de hepatite química por tetracloreto de carbono.

  • O ácido cafêico, os salicilatos e o quercetol possuem ação antiadesiva plaquetária. Os mecanismos de ação incluem o bloqueio da síntese de tromboxano A2, o aumento da concentração de prostaciclina no endotélio vascular e o aumento do AMP cíclico intracelular nas plaquetas. O quercetol também exibe marcante ação sobre a microcirculação aumentando a estabilidade do endotélio vascular e reduzindo a sua permeabilidade. Esta ação relaciona-se também com uma atividade anti-alérgica, cujo mecanismo de ação ainda não está completamente elucidado. Outras atividades farmacológicas do quercetol são antidiarreica, antiviral, antiarrítmica, antioxidante, antiherpética e antiinflamatória.

  • O ácido clorogênico é um potente colagogo, aumentando de forma significativa a produção de bile, além de proteger o fígado contra hepatite química. O ácido clorogênico também exibe marcante ação antibacteriana. Entre microorganismos sensíveis à esta substância temos P. aeruginosa, S. aureus, D. pneumoniae, Streptococcus sp e N. meningitidis. O caempferol tem efeito antihipertensivo por vasodilatação, em concentrações séricas muito baixas (3 mmol/L). Em modelos de infecção intestinal por bactérias patogênicas em animais, o extrato das folhas de Coffea arabica foi eficaz em reduzir a gravidade e o tempo de doença.

  • Os princípios ativos mais importantes Grindelia camporum são grindelanos. Estes compostos atuam na musculatura lisa causando relaxamento, principalmente da musculatura brônquica, que determina um efeito broncodilatador. Os óleos essenciais e a resinas de atuam fluidificando a secreção respiratória e funcionando como antissépticos locais. Outra ação identificada do extrato de Grindelia camporum é a redução do reflexo da tosse por aumento do limiar de excitabilidade das terminações sensitivas na mucosa brônquica. Os grindelanos também atuam no coração, reduzindo a resposta cronotrópica e aumentando o inotropismo. Autores acreditam que seu mecanismo de ação inclui o aumento do relaxamento das fibras cardíacas durante a diástole. Aumenta o debito cardíaco, o fluxo sangüíneo renal e a taxa de filtração glomerular. Age também regulando o peristaltismo intestinal e aumentando a expulsão de gases.

  • Os glicosídeos de possuem sabor amargo marcante, que estimula as papilas gustativas aumentando a produção de secreções digestivas.

Deixe seu comentário!

*

Buy Philips sonicare toothbrush heads click: philips sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush  | sonicare toothbrush heads  | best electric toothbrush heads  | sonicare toothbrush heads  | sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | kids toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | replacement toothbrush heads  | sonicare toothbrush heads  | sonicare toothbrush heads  | philips sonicare toothbrush heads  | Quality sonicare toothbrush heads for sale. |
IT Zertifizierung click: Cisco 700-101 Antwort  | IBM c2010-657 Zertifizierungsprfung  | Oracle 1Z1-117 Antwort  | Oracle 1Z1-511 Prfung  | Cisco 200-125 Zertifizierung  | Cisco 350-080 Zertifizierung  | Cisco 300-135 Zertifizierungsprfung  | Microsoft 070-121 Prfung Frage  | 642-874 Zertifizierung  | 070-346 fragen  | 200-125 fragen  | Oracle 1Z0-144 Zertifizierung  | http://www.exam-qa.de/  | Cisco 300-135 Prfung  | Oracle 1Z0-147 Prfung Antwort  | 642-871 Frage und Antwort  | Microsoft 70-412 Zertifizierungsprfung  | Microsoft 70-315 Prfung Fragen  | Cisco 640-911 Zertifizierung  | IBM 000-106 Frage  | Microsoft 070-121 Prfung  | Microsoft 70-413 Prfung  | Microsoft 70-270 Fragen  | 300-101 Frage und Antwort  | Prfung 200-310  | Prfung 400-101  | 1Y0-201 Zertifizierungsfragen  | Prfung 210-060  | 1V0-601 Zertifizierungsfragen  | Prfung Cisco 640-916  | Prfung 200-105  | Prfung CISSP  | Microsoft 70-515 Prfung dumps  | Cisco 700-501 Zertifizierungsprfung  | Prfung 200-105  | Prfung 300-101  | Prfung 2V0-621D  | Prfung 300-135  | Prfung 300-115  | Prfung 400-051  | Prfung 210-065  | Prfung 100-105  | Prfung 300-320  | Prfung 210-260  | Prfung 300-115  | 210-065 Prfung  | 810-403 fragen  | 101-400 Zertifizierung  | 070-270 Zertifizierung  | Zertifizierung 600-455  | 640-916 Zertifizierung  | Zertifizierung cog-615  | 3101 fragen  | Microsoft 70-411 Zertifizierung  | Cisco 350-030 Zertifizierung  | Cisco 350-030 Zertifizierung  | IBM c2010-652 Frage und Antwort  | 350-020 fragen  | 100-105 fragen  | Microsoft 74-679 Zertifizierung  | OG0-093 Zertifizierung  | 300-075 fragen  | 000-102 fragen  | 000-605 fragen  | 200-125 Zertifizierung  | 640-822 fragen  | 640-460 Zertifizierung  | Cisco 200-125 Frage  | Microsoft 70-178 Zertifizierung  | IT Exam Frage und Antwort.